Web Page Language Translation

Melhor das novatas. Qual das equipes estreantes vai começar na frente?

Seguidores

Gp da China

segunda-feira, 30 de março de 2009

A Toyota tem que recorrer, Hamilton passa a "apoiar"...

Apesar de casos como esse o recurso das equipes serem quase inadmissíveis, acredito que a Toyota agora tenha chance, porque o próprio Lewis Hamilton veio em defesa de Trulli. Pois é, apesar de ter herdado o pódio Hamilton não ficou calado e se mostrou contra a punição de Trulli: “Eu estava atrás de Trulli durante o Safety Car, e claramente você não pode ultrapassar nessas condições, mas ele saiu na última curva – ele espalhou e foi para a grama, eu acho que seus pneus estavam frios. Diminui o máximo que pude, mas fui forçado a ultrapassar. Eu então fui instruído a deixá-lo passar, mas eu não sei se isto está no regulamento e, se não está, eu realmente deveria ter permanecido em terceiro na pista.” Lewes hamilton. Hamilton parou para devolver a posição a Trulli (Trulli citou o mesmo, que Hamilton havia parado na pista). Logo pela lógica não teria nenhum problema, a Mclaren mandou ele parar pra Trulli passar visto que não se pode ultrapassar com saftety car na pista. A Toyota, contudo, não aceitou a decisão e agora, pretende ir além: a escuderia poderá acionar a FIA para tentar obter um parecer favorável no caso. A equipe tem 48 horas para decidir sua posição. >> como se pode punir a Trulli se a Mclaren, maior beneficiada toma uma postura a favor da Toyota?

domingo, 29 de março de 2009

Felicidade de pobre dura pouco... E agora

.
Como eu comentei no poste anterior. Estava torcendo para um saft car, pois seria a única forma de Trulli se da bem. E aconteceu 1º graças ao japa Kazuki Nakajima e o 2º graças Vettel. E Trulli terminou em 3º...
Só que agora saiu que Trulli foi punido em 25s e caiu para 12º... ã? Ta e como fica o pódio? Afff ninguem merece. Por essa eu não esperava...
No geral a corrida foi ótima! Muitas ultrapassagens, erros diversos, no boxe então... NOSSA nunca vi tanto erro no reabastecimento digo +. A Toyota ganhou bastante na corrida pelo ÓTIMO trabalho nos boxe que teve (ultimo de Glock foi feito em 4s, Barrichello na mesma volta demorou 8s). E o melhor, ninguém conseguiu abrir muito. Nem Button na ponta em nenhum momento abriu uma grande vantagem. MELHORES E PIORES DO GRANDE PRÊMIO DA AUSTRÁLIA: Jenson Button: Sem dúvida o fim de semana perfeito. Andou bem todo final de semana, pole e venceu de ponta a ponta (só faltou a volta mais rápida). É a volta por cima para quem andou até o ano passado no final do grid.

Rubens Barrichello: Tive um ataque di risos na largada, porque eu tava apostava apostando que Barricehllo iria ter problemas e DITO e CERTO. Agora uma coisa muito boa que podemos reparar é que os carros desse ano estão MUITO, mais resistente! Aqueles antigos toques de roda já podem ser visto de novo. Barrichello teve vários toque e continuou na prova numa boa (ano passado ñ seria possível). Bom mais, no final 2º, Barrica tem muito o que comemorar.

Lewis Hamilton: “Esse nasceu com o ... virado pra lua”. Cara quando tudo ta ruim pra ele, de repente acaba dando certo. Andou bem na corrida, apesar do carro não ser tão rápido o KERS fez a diferença em vários momentos. ALIAS foi o único dos que usaram o Kers que eu vi o dispositivo gerar efeito.

Robert Kubica: Andou MUITO. Era visível que Kubica tava tirando o máximo do carro. Iria chegar em 2º bem mais pelo talento dele como piloto do que pelo carro. MAS Vettel estragou a corrida dele (tristeza prar uns alegria para outros, gogogo Trulli). Timo Glock: Foi bem no treino classificatório, mas na corrida deixou a desejar. Foi ultrapassado na 1ª volta (ou melhor 1ª curva) logo por Trulli, daí ñ acompanhou + Trulli. Ultrapassagens forçadas e erros e + erros. Trulli passou Alonso de cara e Glock levou a corrida toda atrás de
Alonso (no final que veio passar)...¬¬
.

Fernando Alonso: Largou mau, caiu la pra trás e depois fez uma corrida de recuperação. Alias se defendeu bem mais do que atacou. Discreto, ainda conseguiu pontuar.

Nico Rosberg: Com o 2º melhor carro da Austrália. Fez a volta mais rápida da corrida. E quase não marca pontos. Quando Rosberg saia do tráfego, o carro “voava” na pista. Mas classifico mais como azar dele, do que incompetência.

Sebastian Vettel: Estragou tudo que conseguiu no final de semana quase perfeito, em 1 curva! Quem iria sonhar coma Red Bull em 2º? Faltou maturidade dele (melhor 3º lugar do que nenhum).

Felipe Massa: Andou bem. Recebendo pressão o tempo todo (no bom sentindo rsr), mais depois do 1º Saft Car, já tava la trás sem muitas chances. Mas 1 vez vale ressaltar o ótimo trabalho da Toyota nos boxes. Porque acho q ninguém notou (nem Burti comentou nada a respeito). Mais Trulli tava bem atrás de Massa (umas 5 posições), ainda parou 1º e ficou na frente de Felipe depois que ele voltou do seu pit.

Sébastien Buemi, Sébastien Bourdais, Adrian Sutil, Giancarlo Fisichella: Corrida “café com leite”. “Não cheiram, nem fedem”. Ficam ali fazendo o trivial e no final se deram bem. Nick Heidfeld: Péssimo, se comparar-mos com kubica então... nossa outra equipe. O KERs de Heidfeld não funcionou, capaz dele optar não usar na Malásia.
.

Mark Webber: Ruim também, nem vi ele correr. Ficou la trás e de la não saiu enquando vettel em 2°. Tomou uma surra de Vettel.

Kimi Raikkonen: Horrível. Só fez largar bem, depois ficou se defendendo e quando tentou forçar um pouco... como sempre viu o muro de perto!

Nelsinho Piquet: Hahahahahahhaahahahaha, esse me mata de ri. Você até estranha, como Nelsinho ainda não bateu? Aí vem ele e sai sozinho da pista e nem me venham dizer que não foi culpa dele, porque FOI.

Kazuki Nakajima: Não sei o que a Williams esperar com um piloto desses. Com Sato ou Klien, que diariamente ficam implorando por um carro, matem um piloto tão fraco. Ele passa longe de Rosberg e ainda é altamente irregular. Carniça.

Heikki Kovalainen: Nem correu direito.

Legenda: Seta verde (foi bem), bola amarela (regular), seta vermelha (péssimo)

DESTAQUE DA CORRIDA: Destaque para mim é aquele que aparece mais por sua performance na pista: então pelo que correu hoje é Robert Kubica!

A corrida terminou assim: 1°. Jenson Button (ING/Brawn), 1h34min15s784 ( 58 voltas )

2°. Rubens Barrichello (BRA/Brawn), a 0s807

3°. Lewis Hamilton (ING/McLaren), a 2s914 4°. Timo Glock (ALE/Toyota), a 4s435

5°. Fernando Alonso (ESP/Renault), a 4s879

6°. Nico Rosberg (ALE/Williams), a 5s722

7°. Sébastien Buemi (SUI/Toro Rosso), a 6s004

8°. Sébastien Bourdais (FRA/Toro Rosso), a 6s298 9°. Adrian Sutil (ALE/Force India), a 6s335

10°. Nick Heidfeld (ALE/BMW) a 7s085

11°. Giancarlo Fisichella (ITA/Force India), a 7s374

12°. Jarno Trulli (ITA/Toyota), a 1s604

13° Mark Webber (AUS/Red Bull), a 1 volta

14°. Sebastian Vettel (ALE/Red Bull), a 2 voltas

15°. Robert Kubica (POL/BMW), a 3 voltas

16°. Kimi Raikkonen (FIN/Ferrari), a 3 voltas

Abandonos, Piloto (equipe), número de voltas/motivo

Felipe Massa (BRA/Ferrari), 47/mecânico

Nelsinho Piquet (BRA/Renault), 24/acidente

Kazuki Nakajima (JAP/Williams), 18/acidente

Heikki Kovalainen (FIN/McLaren), 0/acidente Melhor volta: Nico Rosberg (ALE/Williams), 1min27s706 (48ª volta) A classificação estar assim: Pilotos:

1°. Jenson Button: 10 pontos

2°. Rubens Barrichello: 8 pontos

3°. Lewis Hamilton: 6 pontos

4°. Timo Glock: 5 pontos

5°. Fernando Alonso: 4 pontos 6°. Nico Rosberg: 3 pontos

7°. Sébastien Buemi: 2 ponto

8º Sébastien Bourdais: 1 ponto

Construtores: Brawn Gp: 18 pontos Toyota: 5 pontos Mclaren: 6 pontos Renault: 4 pontos Williams: 3 pontos Toro Rosso: 3 ponto

sábado, 28 de março de 2009

Definitivamente não poderia ter sido pior...

Ano novo, carro novo, regras novas, mas a Toyota... a urucubaca (azar) é a de sempre! Pow que azar, alem de não ter ido tão bem nos treinos (esperava BEM MAIS de Trulli do que um 8º lugar) ainda são punidos: “As asas do modelo estavam flexionadas excessivamente”. Por outro lado, foi muito inusitado o resultado do treino. A único previsto era a Brawn Gp na frente, tirando isso. Foi tudo misturado: uma Red Bull, uma BMW, uma Williams, uma Ferrari... mostrando o equilíbrio dessa temporada (QUE BOM). O GRID com o peso do carro de cada piloto (a quantidade de combustível): 1 Jenson Button 664.5kg 2 Rubens Barrichello 666.5kg 3 Sebastien Vettel 657kg 4 Robert Kubica 650kg 5 Nico Rosberg 657kg 6 Felipe Massa 654kg 7 Kimi Raikkonen 655.5kg 8 Mark Webber 662kg 9 Nick Heidfeld 691.5kg 10 Fernando Alonso 680.7kg 11 Kazuki Nakajima 685.3kg 12 Heikki Kovalainen 690.6kg 13 Sebastien Buemi 675.5kg 14 Nelson Piquet 694.1kg 15 Giancarlo Fisichella 689kg 16 Adrian Sutil 684.5kg 17 Sebastien Bourdais 662.5kg 18 Lewis Hamilton 655kg 19 Timo Glock 670kg 20 Jarno Trulli 660kg >> Ninguém arriscou ir com tanque cheio... lógico, afinal o desgaste dos pneus são muito grandes. Agora eu torço para ter batida la na frente (um bolão desse) para provocar uma (de preferência várias) entrada do Saft Car e dê uma ajudinha a Trulli que vem la de trás. Só assim da pra esperar algum pontinho de Trulli. Não sei porque mais acho que o carro de Barrichello vai quebrar ou ter algum problema huahuahauahuahuahu NOVIDADES...??? Que novidades? Alguem notou alguma novidade na transmissão do treino? Divulgaram uma série de coisas novas e eu não vi nada (cadê as linhas da trajetória?), só se forem para corrida.

quarta-feira, 25 de março de 2009

Faltam 3 dias para o maior espetáculo da terra!

Estive totalmente sem tempo essas semanas. Mas agora já da pra respirar. Animação TOTAL para esse final de semana, afinal, começa a Fórmula 1 2009. E Vale Destacar: como todos já devem saber, a FIA ter voltou atrás em relação ao novo sistema de pontos (nem tava com vontade de assistir se fosse com o novo sistema) e continua como era o ano passado (10-8-6-5-4-3-2-1)! E as novidades para o Gp da Austrália não param por aí: Os pilotos poderão andar a 100 km/h (perda menor de tempo) na área dos boxes no próximo domingo, POREM nos treinos o máximo será 60 km/h. Na TV: Também teremos novidades na TV: uma delas (a + interessante que eu achei) linha da trajetória do piloto, onde iremos poder comparar o traçado de cada um nas voltas. . Para quem vai aos Gps também terão novidades. Os pilotos serão obrigados a ter “um momento” com o fã, da autógrafos e etc. Sem falar que todos (não só os 3 primeiros) terão de da entrevista após o treino de classificação. Também iremos ficar sabendo DEPOIS do treino de classificação o nível de combustível de cada carro, porque cada equipe será obrigada a divulgar (poderemos fazer nossas conclusões com mais certeza). E os amigos espanhóis terão nova transmissão: deixa de ser a Telecinco e passa a ser a Mediapro. Pilotos: A única novidade desse ano é o suíço Sébastien Buemi. Que os fãs dele me desculpe, mais Buemi só vai conseguir é ocupar o fudão do grid. Ele deve ter algum parente de nome da Toro, porque até hoje nunca teve uma conquista notável no automobilismo. ALIAS ele nunca teve conquista alguma! Uhahauhauahau Toda categoria que disputou até hoje só fez perder. Isso gerou até revolta de G. Pantano . Que foi campeão ano passado na Gp2 e viu a carniça do Buemi ir pra F1... Sinceramente não entendo como ele ta correndo e Takuma Sato não... Grandes Prêmios: Saíram os Gps do Canadá e França e entrou o GP dos Emirados Árabes (Abu Chabi). Assim mudou de 18 para 17 corridas. Trulli foi 3º no Gp da França do ano passado! 6º no Gp do Canadá. >> Bom amanhã as 22:30h já podemos conferir o 1º treino para o Gp da Austrália, transmissão ao vivo da Sportv,

quarta-feira, 18 de março de 2009

I hate Bernie Ecclestone. E agora? O fim?

Ouvir as idéias loucas de Bernie Ecclestone era até engraçado, porque todo ano era uma besteira atrás da outra, agora nunca pensei que alguém iria da atenção. “VENCE QUEM TIVER MAIOR NÚMERO DE VITÓRIA”. Pow antes adotassem a idéia do “Grid invertido” que Ecclestone teve ano passado. Era idiota também, mas pelo menos seria interessante de se ver. Jarno Trulli: “Estou assombrado. Acho que há muitos fatores negativos e nenhum positivo. Isso é para enterrar a Fórmula 1, todos vão querer correr em outra liga.” O MUNDO ta assombrado. Simplesmente perdeu a graça! Se as ultimas temporadas foram emocionantes (principalmente o final) foi por causa do sistema de pontuação que equilibrava a disputa. O campeonato pode acabar em Mônaco? como disse Rubinho Barrichello: “uma equipe ganhando seis provas no começo do ano. Isso acaba com o campeonato". Matematicamente, o campeonato pode acabar na Alemanha, logo quem comprou os ingressos para assistir as corridas da Hungria, Europa, Bélgica, Itália, Cingapura, Japão, Brasil, Abu Chabi pode rasgar e perder seu dinheiro. Afinal vão ver o quê? A disputa pra ver quem é “o melhor do resto” (“muita emoção”)? Isso sem falar que não aumenta em NADA a emoção durante a corrida. Suponhamos, que Massa esteja na frente e com uma boa vantagem e Raikkonen em 5º, seria muito melhor pra Kimi parar e ir para os boxes para poupar motor e etc... Hamilton (exemplo) pode nem correr esse início de temporada e só trabalhar no carro no final pode ser campeão nem tendo a metade dos pontos do 1º ou 2º colocados (completamente sem lógica). Jenson Button: "Acho que o público vai ter problemas em entender os motivos pelos quais um piloto com 60 pontos pode ser campeão, enquanto o que somou 100, não."

Fernando Alonso:
"A Fórmula 1 está aí há mais de 50 anos graças aos patrocinadores, os pilotos e, sobretudo, os fãs de todo o mundo. Mas nenhum deles tem o direito de expor seus pontos de vista à FIA."
.
.
=> Era muito simples: bastava mudar a pontuação do 1º colocado, ao invés de 10 ponto, ganhava 12 pontos e o resto igual, 2º 8 pontos, 3º 6 pontos, 4º 5 pontos...

Já passarm por aqui

free counters

Seach (pesquise o que procura)


Widget UsuárioCompulsivo

Jarno Trulli

  ©Template by Dicas Blogger.

TOPO